segunda-feira, 18 de maio de 2015

SIMULAÇÃO DE EMERGÊNCIA COM PRODUTOS PERIGOSOS EM NOVA MUTUM


Acidente com produtos perigosos é o evento repentino e não desejado, em que há a liberação de substâncias químicas, biológicas ou radiológicas perigosas, em forma de incêndio, explosão, derrame ou vazamento, causando dano a pessoas, bens ou ao meio ambiente. 

Na lista dos produtos perigosos mais conhecidos pela população em geral estão os agrotóxicos, combustíveis (gasolina, álcool, Diesel, GLP), ácidos, explosivos, infectantes, e até mesmo o algodão.  Com a intensa movimentação de veículos nas rodovias de Mato Grosso certamente uma grande quantidade desses veículos transportam cargas perigosas no Estado todos os dias. A capacitação de pessoal para lidar com esse tipo de atendimento emergencial é fundamental para a minimização dos danos e prejuízos em caso de acidente. 

Para contribuir na prevenção e na propagação de conhecimentos técnicos sobre o atendimento emergencial em acidentes com produtos perigosos, está constantemente oferecendo cursos em vários municípios do Estado. No final de abril, por exemplo, a equipe esteve em Nova Mutum movimentando o município numa simulação de atendimento. 






Profissionais encapsulados com vestimentas Tipo B – Nível A


 Na ocasião, a Companhia do Corpo de Bombeiros de Nova Mutum recebeu duas novas unidades de resgates (URs) e materiais de atendimento a ocorrências com produtos perigosos. O recurso para aquisição desses úteis presentes veio um Termo de Ajuste de Conduta (TAC) feito pelo MPT com uma indústria de alimentos da região. 




Segundo o Sargento BM Marcelo Augusto Fontes, que faz parte da equipe da Defesa Civil, a resposta precisa ser muito rápida. Isso porque, além de representar risco à saúde humana e ao meio ambiente, os produtos perigosos extrapolam os limites espaciais, podendo espalhar-se e atingir regiões maiores do que o local onde ocorreu o acidente. “Com os materiais adquiridos, agora o município de Nova Mutum terá mais agilidade para realizar esse tipo de atendimento emergencial”, finalizou Fontes.




Em casos de acidentes no Estado, a equipe da Superintendência de Proteção e Defesa Civil de Mato Grosso procura também se deslocar até o local do acidente para determinar as ações iniciais de emergência (primeira resposta de atendimento), fazendo a identificação do Produto Perigoso, isolando a área e notificando os responsáveis.  

Nenhum comentário:

Postar um comentário