sexta-feira, 8 de janeiro de 2016

COMBATE AO MOSQUITO AEDES: 
MAIS APOIO E ORIENTAÇÃO AOS MUNICÍPIOS

Como são nos municípios que são efetivadas as ações de combate ao mosquito Aedes Aegypti, a Defesa Civil Estadual está empenhada em incentivar e orientar cada município mato-grossense na instalação da Sala Municipal de Coordenação e Controle. Além de contatos por telefone e e-mail, uma série de visitas aos municípios mato-grossenses está sendo feita a partir desta semana.



Nessa quinta-feira, dia 07 de janeiro, o superintendente Cunha Júnior esteve em Sinop numa reunião que contou com a presença do Comando Regional do Corpo de Bombeiros, da Secretaria Municipal de Saúde e da prefeita em exercício Rosana Martinelli. O resultado foi super positivo, pois a prefeita firmou compromisso de instalar a Sala Municipal de Coordenação e Controle para enfrentamento ao mosquito Aedes Aegypti. Até agora somente Tangará da Serra havia implantado a Sala Municipal.



Também já foram visitados os municípios de Rosário Oeste, Acorizal, Jangada, Nobres, Nossa Senhora do Livramento, Poconé, Chapada, Campo Verde, Barão de Melgaço e Santo Antonio de Leverger. Em todas visitas, a equipe da Defesa Civil Estadual recebeu retornos favoráveis por parte dos gestores municipais que se disporam a aumentar suas ações de combate ao mosquito, bem como instalar uma Sala de Coordenação para integração na mobilização estadual. 



Para a próxima semana foram agendadas visitas a Porto  Estrela, Barra do Bugres, Nova Olimpia, Denise, Arenápolis, Santo Afonso, Alto Paraguai, Nortelândia, Marilândia e Damantino.


A meta nesse momento é orientar os demais municípios para que instalem suas Salas de Coordenação e possam se reunir no mínimo semanalmente para definição de ações e análise de resultados. A sugestão é que a Coordenação Municipal seja composta por representantes do Gabinete do Prefeito, Saúde, Defesa Civil Municipal, Assistência Social e outros órgãos que cada município considerar necessário. Sua atribuição é planejar a execução das ações de mobilização e de combate ao mosquito em seu município, e  informar à Sala Estadual os dados de suas ações e as respectivas necessidades logísticas. A Sala Estadual de Comando e Controle depende da informações que virão dos municípios para conseguir apoiá-los melhor.



A Sala Estadual de Coordenação e Controle



Na reunião que ocorreu na quarta-feira, dia 06 de janeiro, a  Sala Estadual de Coordenação e Controle de combate ao mosquito Aedes aegypti ganhou novos participantes. Agora, o Exército e o Corpo de Bombeiros se juntaram à Defesa Civil Estadual e às Secretarias de Estado de Saúde, de Segurança Pública e de Educação, no gerenciamento e monitoramento das ações em Mato Grosso.






Principais encaminhamentos: 



* Primeiro curso de Noções Básicas para Ações de Prevenção e Controle do mosquito Aedes Aegypti. O curso será oferecido pela Secretaria de Estado da Saúde aos alunos do Corpo de Bombeiros, no dia 11 de janeiro, no auditório da Arena Pantanal. Serão 300 alunos, divididos em duas turmas, no período da manhã, das 8h às 12h e à tarde das 14h às 18h. A iniciativa é uma estratégia para somar forças junto aos agentes de saúde e transformar os futuros bombeiros militares em multiplicadores.



* Participação dos representantes dos escritórios regionais da Secretaria de Estado da Saúde na próxima reunião da Sala de Coordenação. 



* Definição de contra-partida para repasse financeiro do Estado aos municípios.

Intensificação do convencimento aos municípios para que estes intalem suas Salas Municipais de Coordenação e Controle.

Fonte: Cida Rodrigues - Assessoria / Defesa Civil Estadual

Nenhum comentário:

Postar um comentário