segunda-feira, 15 de fevereiro de 2016

DEFESA CIVIL APRESENTA SALA DE COMANDO E CONTROLE A GOVERNADOR E MINISTRO


Como parte do cronograma de atividades do Dia D contra o Aedes aegypti em Mato Grosso no sábado (13), o governador Pedro Taques e o ministro de Cidades Gilberto Kassab, visitaram a Sala Estadual de Comando e Controle. O local é coordenado pela Secretaria de Estado das Cidades (Secid), por meio da Defesa Civil, e está sendo utilizado para o compartilhamento de informações e resultados das ações de combate em todo o Estado.



Coordenador Nacional da Sala de Controle e Enfrentamento à Microcefalia, Marcos Quito, elogiou a iniciativa do Governo do Estado em implantar o espaço. Ao lado de representantes do Ministério da Defesa, Saúde, Casa Civil da Presidência da República e Defesa Civil Nacional, Quito liderou a videoconferência com Mato Grosso.

Criada em dezembro de 2015, a central estadual é a segunda do país a oferecer estrutura para que os municípios repassem suas informações diretamente aos órgãos estaduais e federais. De acordo com Quito, a atitude demonstra a preocupação e envolvimento de Mato Grosso no combate ao Aedes aegypti.



“É muito importante que o Estado tome o controle desse combate como Mato Grosso vem fazendo. As atividades no Estado coordenadas e repassadas com apoio da Defesa Civil podem mudar o cenário epidemiológico na região. O combate ao mosquito e às doenças ligadas a ele é uma causa de todos nós”, disse Quito.

Durante a videoconferência, o ministro de Cidades Gilberto Kassab, destacou seu contentamento ao encontrar a organização do Dia D no Estado. Segundo ele, Mato Grosso se iguala a outros estados em que as ações vêm sendo bem desenvolvidas.

“Estamos em um momento histórico no país, com atividades realizadas em todos os estados. Aqui em Mato Grosso, fomos surpreendidos pela extraordinária organização tanto do município quanto do Estado. Tenho certeza que em breve, os resultados positivos dessas ações serão percebidos pela população”, pontou.

A coordenação da sala pela Secid/Defesa Civil foi ressaltada pelo governador Pedro Taques, que salientou que desde o lançamento do plano de enfrentamento, a central está à disposição do Estado no levantamento de dados dos municípios.

“Mato Grosso foi o segundo Estado do país a instalar esta sala, pois entendemos a necessidade do diálogo com os municípios nas ações de combate ao Aedes. Além disso, a possibilidade de comunicação direta com o Ministério da Saúde, Educação e Defesa nos auxilia e muito no planejamento e execução das atividades. Aqui estão concentrados todos os dados do Estado, atualizados diariamente. Isso é muito importante para nós”.

Números: Superintendente da Defesa Civil, tenente-coronel Abadio da Cunha Júnior, apresentou dados gerais da sala e mostrou como funciona o compartilhamento de informações entre municípios e Estado e também com os órgãos federais. Cunha ainda detalhou os imóveis vistoriados em Mato Grosso desde o início da campanha estadual.

Realizado a partir de janeiro de 2016, o trabalho de inspeção já alcançou 360 mil imóveis, o que representa cerca de 34% do total. Os dados estão sendo repassados pelos municípios e compõem o Relatório de Acompanhamento.

“Poderíamos ter números muito maiores, porém, ainda há municípios que não nos repassam todas as informações. De qualquer forma, esses dados já estão sendo utilizados pelo Governo para otimizar as ações de combate”, disse o superintendente.

Prestando apoio às ações desenvolvidas nos municípios, a Defesa Civil Estadual colocou aproximadamente 80 agentes e voluntários em Chapada dos Guimarães, Nova Brasilândia, Sinop, Sorriso e Várzea Grande. O resultado das atividades será encaminhado para atualização do relatório.


Fonte: Bruna Pinheiro - Secid/MT

Nenhum comentário:

Postar um comentário