sexta-feira, 28 de dezembro de 2018


 DEFESA CIVIL VISTORIA ÁREAS ATINGIDAS  APÓS FORTE CHUVA  EM CUIABÁ NESTA SEXTA FEIRA (28)



Em decorrência da chuva que se iniciou nesta madrugada e se prolongou até pela manhã desta sexta-feira (28) o excesso de água provocou transtornos a vários moradores de Cuiabá, córregos transbordaram, deslizamentos de terras e várias residências destruídas.

Segundo informações do Corpo de Bombeiros, até o momento residências que ficam às margens do córrego no bairro Dom Aquino foram destruídas, no Bairro Santa Rosa relatos de deslizamentos de terra, o muro do 44º Batalhão, na Avenida José Monteiro de Figueiredo,  desabou pela manhã.

O corpo de Bombeiro e a Defesa Civil foram acionados para avaliar os riscos das áreas atingidas, no momento estão isolando as áreas que possuem risco e orientando os moradores a deixarem o local. E a previsão é que esse tempo fechado e chuvoso se mantenha inalterado ao longo desses próximos dias.













Fonte: Lohanna/SAPDEC
Fotos: Corpo de Bombeiro

quinta-feira, 27 de dezembro de 2018

Acordo de cooperação técnica entre a Secretaria e Municípios 

Em atenção à política adotada por esta Secretaria de promover ações que fortaleçam o Sistema Estadual de Proteção e Defesa Civil (SINPDEC), e para fortalecer as Coordenadorias Municipais de Proteção e Defesa Civil (COMPDECS), repassou equipamentos de informática necessários para que estas possam realizar suas atividades.
O acordo de cooperação técnica tem por objeto, propiciar a atuação conjunta da Secretaria Adjunta de Proteção e Defesa Civil com os Municípios, para a obtenção de dados geotécnicos, hidrológicos, e outros, disponíveis em tempo real, além do compartilhamento das informações, com a finalidade de propiciar ações de monitoramento e alerta a desastres naturais em áreas de risco, o acordo de cooperação técnica entre esta Secretaria e os Municípios foi publicado no Diário Oficial do Estado do Mato Grosso.

Os Municípios de Pontes e Lacerda, Vila Bela Santíssima da Santíssima Trindade e Porto Esperidião receberam o kit:

1. 01 (um) monitor, marca HP, novo;
2. 01 (um) CPU, marca HP, novo;
3. 01 (um) Teclado e 01 (um) Mouse, novos;
4. 01 (uma) Máquina Fotográfica profissional;
5. 01 (um) Aparelho GPS;

Entrega dos equipamentos ao Coordenador de Proteção e Defesa Civil, Município de Pontes e Lacerda
Entrega dos equipamentos ao Coordenador de Proteção e Defesa Civil, Município de Vila Bela da Santíssima Trindade

Entrega dos equipamentos ao Coordenador de Proteção e Defesa Civil, Município de Porto Esperidião






quarta-feira, 19 de dezembro de 2018

Governo entrega medalhas em homenagem aos “Guardiões do Paiaguás”


Mais de 70 medalhas em homenagem aos Guardiões do Paiaguás foram entregues nesta terça-feira (18.12) pelo Governo do Estado. A solenidade foi realizada no Salão Clóves Vettorato, no Palácio Paiaguás.

Instituída pelo decreto nº 6.635 de 19 de outubro de 2005, a honraria é forma de reconhecer a importante atuação militares, ex-militares e personalidades públicas, que de alguma contribuíram nas ações da Casa Militar.

“Além de contribuir com a segurança pública, eles são guardiões dos interesses dos mato-grossenses. É uma missão desejável e de muita responsabilidade”, frisou o secretário-chefe da Casa Civil, Ciro Rodolpho Gonçalves.

O secretário da Casa Militar, Wesley de Castro Sodré, destacou o empenho e dedicação de todos.
“É um momento oportuno para agradecer a cada um, pois de alguma forma deixaram suas vidas de lado para dar respaldo e se tornaram grandes parceiros de jornada”, afirmou.
Entre os homenageados citados estava o secretário de Segurança Pública do Estado, Gustavo Garcia.
“É um mérito construído em conjunto, com base nos nossos esforços, nos esforços da nossa família. Prestar serviço à sociedade não é fácil, sempre temos a certeza de que vale muito a pena”, ressaltou o secretário.

Foram agraciados:
1        Delwison Sebastião Maia Da Cruz          CEL PM
2        Edvan Manoel De Azevedo CEL PM
3        Henrique Correia Da Silva Santos          CEL PM
4        Jonildo José De Assis       CEL PM
5        Marcos Vieira Da Cunha    CEL PM
6        Wankley Corrêa Rodrigues CEL PM
7        Wesley de Castro Sodré    CEL PM
8        Abadio José Da Cunha Junior    CEL BM
9        Cesar Claudiomiro Viana De Brum         CEL BM
10      João Rainho Junior CEL BM
11      Silvio Bernardes Dos Santos       CEL BM
12      Vanderlei Bonoto Cante    CEL BM
13      Benedito Boaventura Ladislau Silva       TEN CEL PM RR
14      Dionys Almeida de Lavor   TEN CEL PM
15      Esnaldo De Souza Moreira TEN CEL PM
16      James Jacio Ferreira         TEN CEL PM
17      Jean Klebber Britto da Silva        TEN CEL PM
18      Jose Nildo Silva De Oliveira        TEN CEL PM
19      Mário Roberto Pereira       TEN CEL PM
20      Paulo Cesar da Silva         TEN CEL PM
21      Rodriguo Guides Machado TEN CEL PM
22      Ronaldo Roque Da Silva    TEN CEL PM
23      Vanilson Da Silva Moraes  TEN CEL PM
24      Waldez Moura Tapajós      TEN CEL PM
25      Wendel Soares Sodré        TEN CEL PM
26      Flávio Gledson Vieira Bezerra      TEN CEL BM
27      Gleber Candido Moreno    TEN CEL BM
28      Handson Freitas Farias      TEN CEL BM
29      Hugo Roberto Dos Reis Silva      MAJ PM
30      Osmário Cicero De Oliveira Junior         MAJ PM
31      Pedro Miguel De Sousa     MAJ PM
32      Romário Moreira dos Santos       MAJ PM
33      Daniel Dias de Brito          CAP PM
34      Bruno Bartolomei Silva      1° TEN PM
35      Daniel Rosa Masiero         1° TEN PM
36      Lucas Andreo         1° TEN PM
37      Vicente Braz Araújo 1° TEN PM
38      Nildo Paulo de Amorim     2° TEN PM
39      Hisney Adão De Oliveira    SUB TEN PM
40      Cláudio Marcelo Teixeira de Oliveira      1° SGT PM
41      Wanderley Correa Antunes Pereira        1° SGT PM
42      Marcos Sandro da Silva Ferreira  1° SGT BM
43      Moisés Santos Conceição  2° SGT PM
44      Benedito Lemes De Moraes         3° SGT PM RR
45      Alyson Bruno Silva Lima    3° SGT PM
46      Fabiana Martins Soares de Oliveira        3° SGT PM
47      Hildrer Alekssander Dutra Pleffken        3° SGT PM
48      Ricardo Duardo Maciano   3° SGT PM
49      Maria Luiza Rattacaso da Silva Proença  3° SGT BM
50      Breno Antonio Freitas Lemes      CB PM
51      Célio dos Santos Souza     CB PM
52      Cleyton Dorileo Rosa de Barros   CB PM
53      Edson Silveira de Araújo   CB PM
54      Fabio Antônio Neves Alves         CB PM
55      Francislene Pedrosa de Sousa Silva Lima         CB PM
56      Francisvaldo de Souza Oliveira    CB PM
57      Jocie Junior Alcantara Silva         CB PM
58      Paulo César do Carmo      CB PM
59      Pedro Paulo da Silva         CB PM
60      Renato Jassek Drumond    CB PM
61      Sidney Paulo dos Santos   CB PM
62      Silvana Aguiar de Arruda   CB PM
63      Vanderson Alvarenga        CB PM
64      Elisson Gonzaga Ferreira da Silva          SD PM
65      Elmes Marques da Silva     SD PM
66      Fabio Fernandes Silva Assis        SD PM
67      João Ricardo de Oliveira   SD PM
68      Emanoel Alves Flores        SECRETÁRIO ADJ
69      Ciro Rodolpho Pinto De Arruda Siqueira Gonçalves    SECRETÁRIO
70      Fausto José Freitas da Silva        SECRETÁRIO
71      Gustavo Garcia Francisco  SECRETÁRIO
72      André Xavier Ferreira Pinto         PGE
73      José Eudes Santos Malhado        DETRAN
74      Edileuza Bezerra de França          CIVIL
75      Francisco Paulo de Arruda CIVIL
76      Marlene Ribeiro dos Santos        CIVIL
77      Selmo Antônio Rodrigues  CIVIL

Fonte: Evelyn Ribeiro | Gcom-MT 
Fotos: Lohanna Santos (disponível na Galeria de Fotos)

sexta-feira, 14 de dezembro de 2018

O Verão está chegando


Alerta aos Municípios sobre os cuidados na estação

O verão começa oficialmente nesta quinta-feira, 21 de dezembro. É neste horário em que ocorre a menor sombra do ano no Hemisfério Sul. Hoje será também, o dia mais longo de 2017. Por isso, a Confederação Nacional de Municípios (CNM) alerta os Municípios para cuidados que devem ser tomados pelos gestores municipais na estação.
De acordo com informações do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), a temporada deve ser de mais chuvas por todo Brasil. A CNM alerta ainda que no período de chuvas, a população precisa ficar ainda mais atenta para evitar a proliferação Aedes aegypti, em decorrência da elevação dos focos de água parada.
Outra preocupação da entidade é quanto aos desastres naturais provocados pela chuva. Segundo o Climatempo e com o Inmet, o verão 2017/2018 deve ter algumas características principais:
- maior parte da chuva no Sudeste e Centro-Oeste deve acontecer na primeira metade da estação;
- janeiro será o mês-chave para os estados do Centro-Oeste e Sudeste com 10 a 15 dias de chuva;
- fevereiro deve ser o mês mais quente em todo o Brasil;
- o Sul deve ter chuva abaixo da média, mas sem ficar totalmente na secura, com longos períodos sem sol;
- muita chuva na Região Norte; e
- muito calor e pouca chuva no Nordeste.

Prevenção de desastres

Diante das previsões apresentadas, a CNM orienta os gestores municipais que inicie de imediato as ações de monitoramento, de alerta e alarme, por meio de suas coordenadorias locais de Proteção e Defesa Civil. A iniciativa deve minimizar os efeitos negativos causados pelas chuvas de verão, a Defesa Civil Municipal deve continuamente atuar e colocar em prática os planos de ações preventivas, gestão de riscos executando atividades de sensibilização e conscientização da população frente às ameaças.
Assim, a prevenção dos desastres de verão é implementada por meio de dois processos importantes: a análise e a redução dos riscos de desastres. Por isso, a CNM orienta que também sejam realizadas atividades ininterruptas de suma importância como:
a)       análise e registros dos boletins de meteorologia;
b)       mapeamento das áreas de riscos;
c)       obtenção de dados junto aos moradores mais antigos de cada região do município;
d)       atividades em parcerias com as Secretarias Municipais de Saúde, Educação, Segurança Pública e de Infraestrutura na elaboração de planos de prevenção, preparação, resposta e reconstrução de desastres;
e)       orientação nas assembleias das escolas levando para as pessoas noções básicas do que é defesa civil, entre vários outros trabalhos.

A entidade destaca que essas e outras informações podem ser esclarecidas no hotsite do Observatório dos Desastres, criado pela entidade com o intuito de auxiliar a gestão municipal.

Acesse aqui o Observatório dos Desastres

sexta-feira, 7 de dezembro de 2018


Período de chuvas no Estado de Mato Grosso 

Reunião na Prefeitura do município de Paranatinga


A equipe da Secretaria Adjunta de Proteção e Defesa Civil, está no município de Paranatinga, à 380 km de Cuiabá, em atendimento a solicitação do Prefeito Josimar Marques Barbosa
, após o transtorno causado pelas fortes chuvas que caíram no município, no dia 01 de dezembro.

O município já possui um histórico de enchentes e alagamentos; sendo que no ano de 2005 tem-se o registro de cerca de 1.200 pessoas afetadas, e em 2007 cerca de 1.733 pessoas.
A equipe da Defesa Civil do Estado, está juntamente com uma equipe da prefeitura fazendo o levantamento dos danos e prejuízos provocados pelas águas, vistoriando a situação de pontes, bueiros, taludes de rodovias, e áreas que sofreram com inundações e alagamentos; orientando sobre os procedimentos para a criação da Coordenadoria Municipal de Proteção e Defesa Civil (COMPDEC), e lançamento dos dados levantados no S2ID - Sistema Integrado de Informações sobre Desastres.

Até o momento tem-se o registro de 2.770 munícipes afetados, principalmente moradores de comunidades rurais, e ainda as alterações nas vias rurais provocam prejuízos econômicos pela dificuldade no escoamento da produção de grãos, de gado de corte e leite. Tem-se ainda o registro de alteração no sistema de captação de água. Porém providências estão sendo tomadas e o abastecimento deve voltar a sua normalidade gradativamente.

Após os levantamentos realizados, serão produzidos relatórios para subsidiar o prefeito na decretação de situação de emergência, e posterior encaminhamento para homologação do Estado e reconhecimento do Governo Federal, para que possa ser solicitado recursos para o restabelecimento de serviços essenciais e reconstrução das obras públicas destruídas.

A equipe continua no município para avaliar a situação, avaliando a extensão dos danos e prejuízos causados pela chuva e as medidas a serem adotadas. A imprensa local do município realizou uma entrevista com o Gerente de Operações e Assistência, 2° Sgt Marcelo Granja Fontes no dia 05/12/2018.

Acesse o link e veja a entrevista completa!




Outros Municípios:

No município de Feliz Natal a 512,5 km de Cuiabá foi decretado situação de emergência, devido às chuvas intensas e tempestades locais – convectivas, em algumas regiões comunidades estão isoladas, até o momento o número de afetados são de 2.268 pessoas. Em algumas localidades o tráfego foi interrompido devido ao número de bueiros que dão acesso a 3 comunidades. A equipe de Proteção e Defesa Civil realizou o levantamento de dados para avaliar a situação, e tomar medidas preventivas.

Ponte levada pela a chuva no município de Feliz Natal


No município de Nova bandeirantes o número de pessoas afetadas é de 11.300, o tráfego foi interrompido devido a ponte principal ter sido levada pela enxurrada. De forma paliativa há um desvio de 16 quilômetros em rodovia vicinal na zona rural, caminhões de grande carga foram impedidos de passar da balsa até o município, não há números de desabrigados ou desalojados até o momento, a equipe de Proteção e Defesa Civil, junto com o poder público municipal continua fazendo o levantamento de dados para avaliar a situação, avaliando a extensão dos danos e prejuízos causados pela chuva.



Fonte: Lohanna Santos